Galvanização aumenta vida útil de estruturas

Galvanização aumenta vida útil de estruturas

galvanização
substantivo feminino


1. ato ou efeito de galvanizar.
2. operação de recobrir o ferro ou o aço com uma camada de zinco metálico, para fins de proteção contra o efeito da oxidação; zincagem.

Não ficou claro? Calma, a gente explica tudo! Para-choque, alça de cinto de segurança, maçaneta, puxador, tampa de caneta, ralo, torneira, colar. Pode não parecer, mas esses objetos possuem alguns pontos em comum, como estar presente no cotidiano e ser feito de aço tratamento de superfície. Fator que garante durabilidade e  resistência ao produto através de processos complexos – o mais tradicional deles é chamado de galvanização.

A Galvanização é o processo de aplicação de uma camada protetora de zinco ou ligas de zinco a uma superfície de aço ou ferro de modo a evitar a sua corrosão. O método mais comum é a galvanização por imersão a quente (hot-dip galvanizing ou HDG) no qual as peças ou estruturas são mergulhadas num banho de zinco.

Quanto maior a camada de proteção de zinco no aço, maior a sua durabilidade. A NBR 6323, estabelece os vários tipos de galvanização e sua identificação que vai de Z100 a Z600, a letra Z refere-se ao Zinco e os números que seguinte a camada em gramas de zinco depositadas por metro quadrado do aço, considerando ambas faces.

A norma  NBR 15.217:2018 - Perfilados de aço para Sistemas  construtivos em chapas de gesso para Drywall  exige  ume revestimento mínimo Z275, ou seja uma galvanização de 275 g/m2. Já para os perfis utilizados nas construções em Light Steel Framing, a diretriz SiNAT 003, estabelece que o revestimento mínimo para obras em áreas urbanas deve ser Z275 (275g/m²)a exigência e Z350 (350 g/m²) para até 2 km da orla marítima.

A galvanização é uma proteção simples e segura do aço, que nos garante que mesmo após  os cortes, furos e trabalhos feitos com perfis galvanizados mantém-se a proteção, pois o zinco do revestimento através de um processo de sacrifício, oxida antes do aço base, agindo como uma “cicatrização” do revestimento, protegendo-o o aço base da oxidação. A cada novo “desgaste” seja por ação do tempo, ou por outra ação, esta proteção do zinco por sacrifício vai sempre ocorrer até que até que este se consuma por completo, desta forma o aço Z350 terá uma durabilidade superior ao aço Z275, pois possui uma camada maior de zinco.

O aço galvanizado está presente em nossos perfis e acessórios dos sistemas Gypsum Drywall, Superboard e Promat.

Nos sistemas Drywall e Light Steel Frame (LSF), o material é amplamente usado, já que pode ter vida útil de até 300 anos, segundo testes. Essa durabilidade varia de acordo com o local, mas mesmo em ambientes mais agressivos – rurais ou decks externos próximos à maresia – o material garante cerca de 150 anos de vida útil.  

Blog